Aluno da Associação Huang de Artes Marciais Li Tchuó Pa Kung Fú recebe patente de instrutor

No dia 17 de julho, foi realizada a entrega do certificado e do uniforme ao novo instrutor na Associação Huang de Artes Marciais Li Tchuó Pa Kung Fu, Vinícius Utiumi de Lara dos Santos. O evento aconteceu nas dependências da associação Huag, com a presença de colegas de treinamento e parentes do novo instrutor.
A trajetória de Vinícius começou cedo, na Huang, desde 25 de outubro de 2012, e ele sempre almejou se tornar instrutor, para isso se dedicou até vencer todos as etapas, participando de campeonatos e exames, obtendo êxito em todos eles.
O mestre Júlio César dos Santos Moraes, líder da Associação Huang de Artes Marciais Li Tchuó Pa Kung Fu, fala sobre o aluno. “Fico muito feliz e honrado pela conquista do mais novo instrutor, que só tende a acrescentar em nossa escola de Kung Fú. Tenho certeza que ele será um excelente profissional e irá auxiliar com um desempenho impecável os nossos alunos. Meus parabéns Vinícius, tenho muito orgulho de sua trajetória”, afirma o mestre Júlio César.
Vinícius Utiumi de Lara Santos é filho de André Luís dos Santos e Mitsue Utiumi de Lara Santos e são seus irmãos João Pedro Utiumi de Lara dos Santos e Lara Utiumi dos Santos, que também fazer parte da associação LiTchuópá Kung Fú.

LI TCHUÓ PA
O Kung Fu é a mais antiga de todas as artes marciais. É originaria da China, sendo que o registro histórico mais antigo relativo ao Kung Fu data de 2674 a. C.
A arte surgiu a partir da observação dos movimentos dos animais. O Estilo Li Tchuó Pa Kung-Fu, é um Estilo de Kung-Fu que visa aprimorar seu praticante tanto físico como mentalmente, em sua verdadeira essência. A técnica é um estado de espírito, um pensamento, uma cultura popular, ou seja, é um modo de viver.
Embora o combate pessoal seja uma prática significativa neste estilo, não o torna a sua principal razão de praticá-lo, possuindo uma forma de exercícios físicos e respiratórios, que não visam a formação da massa muscular, mas sim o fortalecimento da sua energia interior.

Reconhecimento
Li Tchuó Pa Kung-Fu, foi reconhecido como Arte Marcial Brasileira no ano de 1984, pelo então departamento de Kung-Fu da Federação Paulista de Kung-Fu, na época seu diretor o senhor Sergio Batarelli. Em 06 de Dezembro de 1988, através da resolução 21 do Conselho Nacional de Desporto (CND), o Grão Mestre Gola conseguiu um feito que marcou a história da arte marcial chinesa no Brasil, que foi a regulamentação e reconhecimento do Kung Fu como prática esportiva, tirando esta nobre arte da marginalidade.
Em 1995, nos Estados Unidos, através da ação do renomado Mestre Pan Chin Fa, que hoje reside no Canadá, a Federação Americana de Wushu reconheceu o Li Tchuó Pa como a maior organização de arte marcial chinesa das Américas. Hoje em dia, existe um grande número de escolas e mais de 6000 alunos no Brasil.