Atlético de Madrid não reconhece o pagamento do Barcelona e exige € 200 milhões por Griezmann

Clube da capital alega que acordo entre o atacante francês e os catalães aconteceu antes da redução da cláusula de rescisão para € 120 milhões

Após o Barcelona anunciar o pagamento ao Atlético de Madrid de € 120 milhões (R$ 505 milhões) da cláusula de rescisão de Griezmann, e consequentemente divulgar o seu novo reforço, o clube madrileno divulgou um comunicado no qual informa que considera insuficiente o valor pago pelos catalães. O correto, segundo o Atlético, seria € 200 milhões (R$ 841 milhões).

A alegação do Atlético de Madrid está baseada no possível acordo entre Barcelona e Griezmann. A cláusula de rescisão do jogador caiu de € 200 milhões (R$ 841 milhões) para € 120 milhões (R$ 505 milhões) no dia 1º de julho de 2019. Porém, para os dirigentes colchoneros, o francês já tinha acordo com os catalães antes desta data. Inclusive anunciou que não jogaria mais em Madri no dia 14 de maio. Portanto, teria de ser respeitado o valor anterior.

Ainda de acordo com o comunicado oficial, o Atlético de Madrid informa que vai em busca de seus direitos e interesses legítimos para conseguir o valor considerado justo pela transferência do atacante Griezmann ao Barcelona.

Fonte: globoesporte.globo.com