Cartório Eleitoral amplia horário de atendimento

Cartório Eleitoral do município está funcionando de segunda à sexta-feira, das 9h às 18h30

A procura pelo Cartório Eleitoral para cadastramento biométrico tem sido baixa

O eleitor que ainda não fez o cadastramento biométrico tem até 19 dezembro deste ano para regularizar a situação e, para tanto, deve procurar o Cartório Eleitoral.
O chefe do Cartório Eleitoral de Ituverava, Luciano de Melo Beneli, alerta que quem não fizer a biometria sofrerá algumas sanções. “Quem não comparecer ao Cartório Eleitoral até o término do prazo estipulado, 19 de dezembro, terá o título cancelado e, dentre outras consequências legais, não poderá votar nas próximas eleições, obter empréstimos em bancos públicos, renovar matrícula em estabelecimento oficial de ensino, obter passaporte, inscrever-se em concurso público, poderá ter o CPF bloqueado pela Receita Federa, entre outras.”, alerta Luciano.
Passada a eleição de 2018, o Cartório Eleitoral de Ituverava retomou o atendimento ao público em 5 de novembro, para dar continuidade ao recadastramento biométrico no município.

Baixa procura
Segundo informações obtidas na página eletrônica do Tribunal Superior Eleitoral, dos 30.015 eleitores da 60ª Zona Eleitoral de Ituverava, apenas 15.601 eleitores fizeram a biometria. “É um número muito baixo, considerando que o serviço de cadastramento biométrico está sendo feito no Município desde 22 de setembro de 2015”, ressalta o chefe do Cartório Eleitoral de Ituverava.
Os atendimentos estão sendo realizados, preferencialmente, por ordem de agendamento, que pode ser feito no site do Tribunal Regional Eleitoral – www.tre-sp.jus.br, no site da Prefeitura de Ituverava – www.ituverava.sp.gov.br, e pelos telefones do Cartório Eleitoral 3839-3103 e 3729-2745, das 9h às 18h30.
O eleitor que comparecer diretamente ao Cartório também será atendido, observada a preferência dos agendados e também a capacidade diária de atendimento, que será controlada mediante distribuição de senhas.

Horário especial de atendimento
Com o intuito de ampliar a capacidade de atendimento ao eleitor, desde última a terça-feira, 12 de março, o Cartório Eleitoral passou a atender o público das 9h às 18h30. O Cartório também tem feito uma ampla divulgação da campanha do recadastramento biométrico através dos jornais, rádios, carro de som, afixação de faixas, distribuição de panfletos e comunicados nas redes sociais, para alertar o eleitor sobre a necessidade de regularizar a sua situação eleitoral.
“Porém, mesmo assim, a procura pelo serviço está muito baixa e ainda faltam quase 50% para fazer a biometria”, alerta Luciano.

Grandes filas

Ele ainda lembra que se continuar desta forma, nos últimos meses de atendimento, certamente, muitos eleitores enfrentarão grandes filas e uma boa parcela deles sequer conseguirá fazer o recadastramento. “Em razão da limitação da capacidade de atendimento do Cartório Eleitoral”, observa.
“Portanto, fica o alerta para quem ainda não passou pela biometria, é preciso fazer o agendamento ou comparecer o mais rápido possível ao cartório, para evitar os prejuízos decorrentes do cancelamento do documento”, destaca.

Chefe do Eleitoral fala sobre as vantagens da biometria

A biometria, segundo Beneli, é uma tecnologia que confere ainda mais segurança à identificação do eleitor no momento da votação. O leitor biométrico, disponível no microterminal (utilizado pelo mesário para reconhecimento do eleitor), confirma a identidade de cada pessoa por meio das impressões digitais, armazenadas em um banco de dados da Justiça Eleitoral.
“Dentre os benefícios que o cadastramento biométrico oferece à população, o principal é a segurança no exercício do voto, pois um eleitor não consegue votar com o título do outro. Além desse benefício, há também a dispensa da assinatura no caderno de votação após o voto e a possibilidade de apresentar o título digital (e-título) na tela do celular para votar”, ressalta o chefe do Cartório Eleitoral de Ituverava, Luciano de Melo Beneli.

Documentação necessária
Para o recadastramento, o eleitor deverá apresentar um documento original (RG, CNH, Carteira de Trabalho, Certidão de Nascimento ou de Casamento), o título eleitoral (se tiver) e um comprovante de residência atual (emitido nos 3 meses anteriores ao atendimento).
Serão aceitos os seguintes comprovantes: conta de luz, água, telefone, bancária ou envelopes de correspondência, holerite ou talão de cheque bancário, contrato de locação, ou qualquer outro documento que comprove que o eleitor resida ou tenha vínculo profissional ou patrimonial com o município. “Por fim, vale ressaltar que pessoas do sexo masculino, entre 18 e 45 anos, que forem tirar o título pela primeira vez, terão que apresentar o comprovante de quitação do Serviço Militar”, completa o chefe do Cartório Eleitoral de Ituverava, Luciano Beneli.

Serviço : O Cartório Eleitoral funciona de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h30, à Rua Capitão Florindo José da Silva, 1374 – Cidade Universitária. Maiores informações podem ser obtidas pelos telefones 3839-3103 ou 3729-2745.