Continuam retiradas de criadouros do Aeds aegytpi

Equipe da Frente de Trabalho retira criadouros do mosquito Aedes aegypti

O novo boletim da dengue, divulgado pela Vigilância Epidemiológica de Ituverava, mostra que desde o início do ano, foram registrados 1.832 casos de dengue, contra 1.770 da semana passada. Foram registradas 2.092 notificações, 77 descartados e 183 ainda aguardam os resultados.
Com a proximidade do inverno, a tendência é reduzir os casos da doença. Entretanto, o Ministério da Saúde reforça que as medidas de prevenção devem ser mantidas durante todo o ano, pois embora os meses quentes do verão sejam a época mais propícia para a reprodução do mosquito Aedes aegypti, transmissor de dengue, Zika e Chikungunya, a transmissão dos vírus acontece o ano todo, inclusive no inverno.
Por isso, os meses mais frios devem ser encarados não como uma trégua, mas como uma oportunidade de tomar mais rígidas medidas preventivas para retirada de criadouros do mosquito. Também é fundamental continuar em alerta, considerando as mortes que ocorreram na cidade este ano, em decorrência de dengue hemorrágica.

Retirada de criadouros
Para combater o mosquito, a Prefeitura de Ituverava e a Secretaria da Saúde seguem com o trabalho de retirada de criadouros do mosquito, em residências e terrenos, seguindo a recomendação da SUCEN.
O trabalho, que está sendo realizado desde o início do ano sem interrupção, está sendo desenvolvido pela Vigilância em Saúde, Agentes de Combate a Endemias e equipe da Frente de Trabalho. Nessa semana, o trabalho foi no Alto Estação e segue no Benedito Trajano Borges.
A secretária da Saúde, Janine Carvalho Ferreira Rokutan fala sobre a situação da dengue no município. “Estamos tendo uma baixa nos casos, em relação ao início do ano. No entanto, o combate à dengue não pode parar, por isso pedimos para a população ficar sempre atenta e manter suas casas e quintais sem focos do mosquito”, explica.

Continuam retiradas de criadouros do Aeds aegytpi

A prefeita Adriana Quireza Jacob Lima Machado fala sobre o trabalho de combate que tem sido realizado. “É uma ação muito importante para o combate à dengue em nosso município, pois sem os criadouros o mosquito não se prolifera. Por isso, além de auxiliar o trabalho das nossas equipes, pedimos o apoio da comunidade, pois o combate à dengue é um dever de todos”, ressalta a prefeita. Leia no site da Tribuna de Ituverava – www.tribunadeituverava.com.br, os números da dengue no município este ano.