Curado da covid-19, Alcolumbre volta ao trabalho nesta sexta-feira

Presidente do Senado estava há 19 dias em isolamento. Ao blog, ele afirmou que recebeu alta após dois testes darem negativo para doença

O presidente do SenadoDavi Alcolumbre, afirmou nesta quinta-feira (2) que está curado da covid-19 e que retornará nesta sexta-feira (3) ao trabalho presencialmente. A confirmação de que ele contraiu o coronavírus foi divulgada no dia 18 de março.

Afastado há 19 dias, ele disse que recebeu alta após dois testes confirmarem que ele não está mais com a doença. Na sua ausência, as sessões virtuais do Senado foram comandadas pelo vice-presidente, Antonio Anastasia (PSD-MG).

Alcolumbre disse que preferiu ficar em casa até o resultado da segunda testagem, a chamada contraprova, para garantir que não ofereceria risco de contágio às pessoas com quem convive.

Ao blog, Alcolumbre reforçou seu apoio a medidas de isolamento social adotadas por governadores e prefeitos.

O presidente do Senado avalia que o distanciamento entre as pessoas é a única forma de conter o avanço da pandemia e afirmou que o Congresso Nacional fará a sua parte para dar celeridade e segurança jurídica às medidas enviadas pelo Executivo.

“O momento requer união, esforço e solidariedade de todos. O Congresso Nacional está de portas abertas para o diálogo constante”, frisou.

Alcolumbre afirmou ainda que o Congreso já garantiu os recursos para o auxílio de R$ 600 mensais a trabalhadores informais, assim como garantirá as autorizações legais para o governo “fazer o que tem que ser feito”.

As declarações de Alcolumbre foram feitas em um momento em que o Executivo coloca dúvidas juricias sobre como implementar gastos emergenciais de combate à coronavírus.

Fonte: www.g1.globo.com