Formada turma de 2019 do Tiro de Guerra 02-058

Mesa diretora dos trabalhos no destaque, os atiradores

O Tiro de Guerra 02-058 realizou no Centro Cultural “Cícero Barbosa Lima Júnior”, dia 21 de novembro, a solenidade de encerramento do ano de instrução da turma de 2019.
Compram a mesa diretora, a prefeita Adriana Jacob Quireza Lima Machado, o comandante do TG- 1º Sargento Abel Santos de Araújo, o presidente da OAB – Mário Alves Pereira Neto, o vereador – Everaldo Alves Machado Dias, o subtenente da Polícia Militar – Eugênio Luiz de Paula, o capitão e tenente do Exército Nacional – Washington de Souza Gomes e Raimundo Neto Cerqueira. Na abertura da solenidade, a tropa de atiradores entrou no pátio e foi apresentada ao público pelo Monitor Campos. Na sequência foi entoado o Hino Nacional, foram entregues condecorações aos monitores e atiradores e certificado de Honra ao Mérito, para os que se destacaram pela assiduidade e dedicação durante o ano de instrução. Também foi realizada a promoção à graduação de Cabos da reserva, a contar de 1º de dezembro do corrente ano, dos monitores Campos, Araújo, Castro, Guizhonni, Moura e Ribeiro, além do juramento à Bandeira Nacional, por todos os atiradores.
Promoção
Do total de 50 jovens matriculados, cerca de 39 jovens foram selecionados, e após um ano de instrução, entre monitores e atiradores, cumpriram o dever de servir a pátria., seis foram promovidos a cabos na reserva, dois foram desligados por apresentarem problemas de saúde e sete por pontos perdidos ou faltas. Segundo o Chefe de Instrução, 1º Sargento Abel Santos de Araújo, a formação de uma nova simboliza um momento importante. “Em primeiro lugar porque representa a formação de Combatentes Territoriais Básicos (atiradores) nacionais que estão em condições, como reserva mobilizável, de defender a Pátria, caso seja preciso e haja uma convocação”, observa.

Aprimoramento

“Em um segundo momento, os jovens que cumprem o Serviço Militar obrigatório aprimoram atributos como camaradagem, espírito de corpo, responsabilidade, disciplina e pontualidade, qualidades que levarão para o resto da vida, sem contar no aprimoramento no ato de servir, não só à Pátria, mas a quem está do seu lado, mas também à comunidade, tornando-se cônscios de seus direitos e também de suas obrigações e responsabilidades”, explica Ele ainda agradeceu ao Poder Público e a todas as pessoas físicas e jurídicas que, de forma aberta ou anonimamente, contribuíram decisivamente para o sucesso do ano de instrução.