Lara Luiza Liporone de Sá, 21 anos


Lara Luiza Liporone de Sá, 21 anos

“Comecei a trabalhar aos 16 anos como estagiária na secretaria de Trânsito, Frotas e Transportes da Prefeitura de Ituverava, onde fiquei 2 anos, aprendendo sobre os trâmites do setor público. Nessa época comecei a cursar o Técnico em Administração juntamente com Ensino Médio e, logo após me formei em Técnico em Serviços Jurídicos, sempre procurando me especializar”.
“Ao final do contrato de estágio, prestei concurso público da Prefeitura de Ituverava, e me classifiquei em primeiro lugar na vaga de Assistente Administrativo e permaneço até hoje”.
“Estou no quarto ano do curso de Direito e estudo Gestão Pública, pois me apaixonei por esta área administrativa para trabalhar prol do bem comum de uma população de mais de 40 mil pessoas”.
“O mercado de trabalho, não somente em Ituverava, mas de todo o Brasil, está muito concorrido, há muita mão-de-obra para poucas vagas e, quem se especializar e procurar se atualizar sempre, com certeza terá mais chances de alcançar o sucesso, ao contrário daqueles que se acomodam, ainda mais na era globalizada e moderna em que vivemos”.
“Sobre a Reforma da Previdência, penso que deve ser revista em vários pontos para combater os vícios, como por exemplo, o número de aposentados que não necessitam, mas solicitam a aposentadoria para ter o direito ao benefício, fraudando a legislação. Entendo, no entanto, que os direitos adquiridos não podem ser revogados, pois desta maneira caminharemos para o retrocesso”.
“A lei deve ser revista em pontos específicos para não prejudicar as classes baixa e média. A corrupção e o jeitinho brasileiro são os principais pontos negativos da política estar da forma que está. Enquanto as atitudes incorretas não forem revistas, não teremos mudanças relevantes”.
Lara Luiza Liporone de Sá, 21 anos, é servidora pública
municipal, filha de Fabrícia Liporone e Altino Gomes da Sá