Mourão diz que é ‘muito ruim’ ter ex-presidente preso

O presidente em exercício Hamilton Mourão (PRTB) lamentou, nesta quinta-feira, 21, a prisão do ex-presidente Michel Temer e lembrou do também ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que cumpre pena em Curitiba desde abril de 2018.

Mourão assume a Presidência pela quarta vez, em virtude da viagem de Jair Bolsonaro para o Chile. A transmissão do cargo ocorreu nesta manhã.

“Já falei a respeito da mesma situação do ex-presidente Lula. É muito ruim para o país ter um ex-presidente preso. Agora seguem as investigações”, disse, ao chegar ao Palácio do Planalto durante a tarde.

Na visão de Mourão, a prisão de Temer não deve atrapalhar o andamento dos projetos do governo Bolsonaro no Congresso. “Uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa. A realidade é que fica todo mundo naquela situação igual cachorro em canoa, querendo se equilibrar”, afirmou.

Bolsonaro ainda não comentou a prisão. Em sua conta no Twitter, o presidente afirmou pela manhã que a viagem para o Chile terá uma “agenda de compromissos que certamente será muito proveitosa para o Brasil”.

Fonte: www.veja.com.br