Professoras são responsáveis pela coordenação pedagógica do grupo

A professora Ana Thereza Couto Alves (no centro), uma das coordenadoras do Rotakids

A experiente e conceituada professora Ana Thereza Couto Alves, que é umas da coordenadora do Rotakids, fala sobre os princípios para esses “pequenos rotarianos”, que é a formação para a consciência da sua responsabilidade perante a sociedade.
Outro ponto, segundo ela, é estimular o ensino de valores como a dignidade e o respeito pelos outros, despertando neles sentimentos necessários para a formação do caráter humano. “O objetivo do Rotary Club é trazer essas crianças para um ambiente capaz de transformá-las através da promoção de valores da verdadeira cidadania, promovendo a boa vontade e a paz entre todos, reconhecendo o valor de cada indivíduo”, explica.

Lema é servir
A dama da Casa da Amizade, Maria Suely Sliuizas, que também atua no Rotakids, destaca o trabalho baseado na preservação da compreensão das diferenças entre as comunidades, principalmente as carências humanitárias de cada local. “Os rotakidianos estão aprendendo a servir e a levar a paz por onde passam. São crianças que estão se preparando para enfrentar importantes e saudáveis mudanças de vida. Assim, poderão contribuir positivamente com grandes transformações onde estiverem”, afirma Suely.