Projeto Arte e Ginga retoma aulas de capoeira neste sábado

Equipe e alunos que participam Projeto Arte e Ginga

A Indústria Santa Maria tem desenvolvido em Ituverava o Projeto Arte e Ginga, que faz parte do Projeto Social Cordão de Ouro, que é desenvolvido na região de Ribeirão Preto desde 1980, com crianças, adolescentes, jovens, adultos e idosos.
O projeto, desenvolvido desde 2015, em Ribeirão Preto, foi implantado em Ituverava por meio do Programa de Ação Cultural – PROAC, da Secretaria da Cultura do Governo do Estado de São Paulo. A iniciativa tem o propósito de promover e estimular a prática da capoeira, como uma ferramenta de integração, educação, qualidade de vida, resgate de cidadania e inclusão social. Em Ituverava, o projeto está sendo desenvolvido desde outubro de 2019, no prédio do Caps Viver, ao lado do Centro Espírita Vicente de Paulo/Dona Angélica, quinzenalmente aos sábados, no período da tarde.
Aulas
As aulas são ministradas pelo contramestre Felipe Bett (“Tigrin”), e, neste ano, terão início neste sábado. O horário das aulas de capoeira infantil é das 14h30 às 16h30 e logo após, para jovens, adultos e idosos, até as 18h30. As inscrições podem ser feitas no local (CAPS) durante o horário de funcionamento do projeto.

Patrimônio cultural

Para o contramestre Felipe Bett, a capoeira é pluralidade, que se estabelece como acervo da nossa cultura e se apresenta por meio de uma abordagem bem ampla. “Passando pela dança, jogo, esporte, cultura, folclore, história, filosofia de vida, além de ser capaz de oferecer condições para se despertar a alegria e o interesse pelo saber”, afirma.
“É uma arte que promove um ambiente de múltiplas interações pessoais, propiciando aumento da percepção das nossas potencialidades físicas e intelectuais”, destaca.
Sendo assim, o colaborador da Santa Maria, Lucas Cândido Paes, destaca que a indústria entende que as premissas citadas vão de encontro com os valores da empresa. “E por isso, oferece esta grande oportunidade para que toda a comunidade ituveravense, possa participar desta atividade tão importante para a vida das pessoas”, declara.