Universo do artesanato conquista mais adeptos em Ituverava

Artesãos

Em tempos de crise, a criatividade é uma das chaves para a conquista de novos espaços. Quem gosta e tem habilidades, encontra no artesanato uma excelente oportunidade de melhorar a renda, através de uma atividade prazerosa.
É uma arte que pode ser transformada em negócio, pois a profissionalização e a diversidade do artesanato vem conquistando um número considerável de adeptos, além de fomentar a economia e o desenvolvimento das cidades.
Com esta visão, artistas criaram o Grupo Artesãos de Ituverava, que hoje conta com mais de 70 artesãos ativos, e tem realizado periodicamente feiras na cidade, dando a oportunidade ao artista, de divulgar e comercializar suas peças, promovendo também, a integração e troca de experiências.
Para conhecer a história de cada artesão do grupo e um pouco do trabalho que eles desenvolvem. a Tribuna de Ituverava publica, a partir desta semana, uma série de entrevistas com os componentes do grupo.
A primeira entrevistada é a professora Maida das Graças de Oliveira, que fala sobre artesanato gourmet, um dos segmentos que surgiu nos últimos anos e está fazendo muito sucesso.
Nome: Maida das Graças de Oliveira, 51 anos
Profissão: Professora, Pedagoga (Hospitalar/Empresarial), pós-graduanda em Arte, Educação e Terapia. Letramento e Alfabetização e Artesã Gourmet

Quando iniciou o artesanato e que ele representa para a sra.?
Comecei a me interessar em produzir doces para festas, antes de assumir o cargo de Professora no Ensino Básico I. A minha primeira encomenda foi um bolo de oito receitas para um casamento e, a partir daí, comecei a gostar e fazer cursos voltados para a produção de doces.
Depois, ao levar um bolo para a escola em comemoração ao Dia das Crianças, observei o quanto elas ficaram maravilhadas com o que eu havia proposto para a ocasião. Era um bolo decorado como um campo de futebol para os meninos e carinhas de bonecas e panelinhas, para as meninas.
Tudo isso me despertou, ainda mais, o interesse pelos doces. Entretanto, a carreira como professora ocupava boa parte do meu tempo, me impedindo dedicar totalmente a está área.
Passaram-se anos, e agora estou vivendo um momento que estou encerrando uma etapa profissional, da qual me orgulho muito, por ter feito e dado o melhor de mim. Sinto um imenso prazer de missão cumprida e realizada, e poder um dia olhar para trás e dizer “sou e fui” uma professora que se dedicou com responsabilidade, e o mais importante, com AMOR.
O artesanato é uma arte que adoro, onde posso criar, reinventar e produzir algo único. Através dele posso transmitir às pessoas tudo o que há de bom.

Fez algum tipo de curso? Como adquiriu a técnica?
Através do Artesanato Gourmet levo as pessoas um diferencial, que é um produto de boa qualidade, pois tenho prazer em fazer. Como diz o ditado “é de se comer com os olhos”. É gratificante ver os clientes felizes, afirmando que gostaram e que retornarão. É muito bom o reconhecimento dos clientes que já conhecem seus produtos e a sua marca.
Meu artesanato é trabalhado, sempre pensando no cliente e na sua satisfação. É gratificante ver o ‘Mai £ Divo’.
Consegue ter um retorno financeiro satisfatório com a vendas das suas peças?

Sempre me atualizo fazendo cursos na área do Artesanato Gourmet, pois é preciso sempre, atualizar, reinventar e inovar..
Como está sendo a experiência de expor seu trabalho e a aceitação do púbico?
Através da nossa feira Artesãos de Ituverava, que está vinculada à secretaria da Cultura, Eventos e Turismo, constatei o quanto Ituverava está ganhando com o artesanato, pois ele está contribuindo para o crescimento e desenvolvimento da cidade. Já apareceram para prestigiar a nossa feira, clientes de cidades vizinhas e capitais, como São Paulo e Rio de Janeiro.
Estou muito feliz por participar e elevar o nome da nossa feira e de Ituverava. Devemos valorizar tudo que é referência na nossa cidade e através da feira percebi que realmente estamos no caminho certo.
Convido toda a população Ituveravense e da região, para conhecer e prestigiar nossa feira, que foi iniciada e projetada pela renomada artesã, Francine Rocha, da Tangerina Flor.

Para adquirir um produto fabricado por você, como devo proceder?
Entrar em contato com ‘Mai £ Divo’, através do telefone (16) 99328-3223 ou pelo facebook.