Comissão na Câmara tem maioria pelo voto impresso

Entre os contrários, existem três deputados petistas e um parlamentar da Rede

O voto auditável com a impressão da votação individual tem o apoio de 21 dos 32 deputados federais que compõem a comissão especial criada para analisar o tema na Câmara. Um levantamento feito pelo jornal O Estado de S.Paulo revelou que, entre o restante do grupo, sete estão indecisos e apenas quatro são contrários. Destes últimos, três são filiados ao PT e um à Rede — partidos que se colocaram contra a proposta.

Comissão para o voto auditável na Câmara dos Deputados

Posição de cada membro do grupo sobre o voto impresso

DeputadoPosição
Aroldo Martins (Republicanos-PR)a favor
Aécio Neves (PSDB-MG)a favor
Bia Kicis (PSL-DF)a favor
Darci de Matos (PSD-SC)a favor
Eduardo Bolsonaro (PSL-SP)a favor
Evair de Melo (PP-ES)a favor
Guilherme Derrite (PP-SP)a favor
Leur Lomato Junior (DEM-BA)a favor
Magda Mofatto (PL-GO)a favor
Nilson Pinto (PSDB-PA)a favor
Paulo Bengtson (PTB-PA)a favor
Paulo Eduardo Martins (PSC-PR)a favor
Pedro Lupion (DEM-PR)a favor
Marco Feliciano (Republicanos-SP)a favor
Herculano Passos (MDB-SP)a favor
José Medeiros (PODE-MT)a favor
Paula Belmonte (Cidadania-DF)a favor
Paula Ramos (PDT-RJ)a favor
Pompeo de Mattos (PDT-RS)a favor
Roman (Patriota-PR)a favor
Júlio Delgado (PSB-MG)a favor
Arlindo Chinaglia (PT-SP)contra
Carlos Vera (PT-PE)contra
Odair Cunha (PT-MG)contra
Joenia Wapichana (REDE-AP)contra
Edilázio Júnior (PSD-MA)indeciso
Filipe Barros (PSL-PR)indeciso
Giacobo (PL-PR)indeciso
Pinheirinho (PP-MG)indeciso
Daniel Almeida (PCdoB-BA)indeciso
Aliel Machado (PSB-PR)indeciso
Paulo Ganime (NOVO-RJ)indeciso

Fonte: revistaoeste.com