Ferroviária x São Paulo: veja onde assistir, escalações, desfalques e arbitragem

Ferroviária e São Paulo entram em campo nesta quarta-feira, às 21h30, pela terceira rodada do Campeonato Paulista. A partida será disputada na Arena Fonte Luminosa, em Araraquara.

Os donos da casa tentam se recuperar na competição após empatar na primeira rodada e perder na segunda. Com apenas um ponto, a Ferroviária ocupa a terceira colocação do Grupo D.

Já o Tricolor vem de um empate no clássico contra o Palmeiras, disputado justamente na Arena Fonte Luminosa, no último domingo. A equipe soma quatro pontos e lidera o Grupo C do Paulistão.

Veja tabela e classificação do Paulistão

Transmissão: Premiere (narração de Milton Leite e comentários de Alexandre Lozetti).

Tempo Real: o GloboEsporte.com acompanha em Tempo Real, com vídeos exclusivos.

Ferroviária – técnico: Sérgio Soares

Invicta contra os grandes do futebol paulista desde o retorno à elite, em 2016, a Ferroviária pretende manter a escrita adotando uma postura mais agressiva contra o São Paulo. Na avaliação do técnico Sérgio Soares, o time precisa incomodar mais o adversário para tirar a bola da “zona de pressão”.

Após promover a entrada de Tony como titular no meio-campo, na derrota por 2 a 1 para o Santo André, na última rodada, Soares, agora, deve lançar o atacante Hygor desde o início. Autor dos dois únicos gols do time no Paulistão, o jogador pode ocupar a vaga de Felipe Ferreira. Pablo deve continuar no lugar que Higor Meritão ocupou na estreia.

Quem está fora: Sem desfalques

São Paulo – Técnico: Fernando Diniz

Sem Helinho, lesionado, o Tricolor terá mudanças no time titular em relação aos dois jogos do Paulistão. Alexandre Pato, Everton e Liziero despontam como principais candidatos para ocupar a vaga. O técnico Fernando Diniz também pode mexer na lateral direita, poupando Juanfran e promovendo a entrada de Igor Vinicius. Outros setores da equipe também podem sofrer mudanças.

Quem está fora: Helinho, Rojas, Gabriel Sara, Walce (departamento médico); Antony e Igor Gomes (seleção olímpica).

Fonte: www.globoesporte.globo.com