Secretaria da Saúde alerta sobre o combate a dengue

Uma da maneiras de evitar a dengue é lavando os pratinhos dos vasos de plantas

A Secretaria Municipal da Saúde e a Vigilância em Saúde nessa semana voltaram a orientar a população sobre a importância de continuar adotando as medidas de prevenção ao mosquito Aedes aegypti, transmissor da Dengue, Zika e Chikungunya.
Segundo a Assessoria de Imprensa da Prefeitura, em 2020, a cidade de Ituverava registrou 10 casos positivos de dengue, número baixo em relação a outros anos. No entanto, é preciso que a população esteja cada vez mais consciente, porque, devido à pandemia da Covid-19, o trabalho de retirada de criadouros de casa a casa, pelos Agentes de Combate a Endemias, continua suspenso.

LOCAIS DE VACINAÇÃO

Os principais cuidados que devem ser tomados são: cobrir caixas d’água, cisternas, poços e evitar entupimentos de calhas; vedar com cimento os cacos de vidro nos muros que podem acumular água; colocar em sacos plásticos, fechar e colocar no lixo copos descartáveis, embalagens, tampas, cascas de ovo e tudo que possa acumular água e não deixar pneus expostos ao tempo, nunca permitindo acúmulo de água dentro deles.
Também é indicado o uso de cloro em piscinas, limpá-las com frequência e cobri-las quando não estiverem em uso; limpar as bandejas externas das geladeiras e ar-condicionado; esvaziar garrafas, latas e baldes e guardá-los em local coberto; guardar garrafas pet e de vidro sempre com a boca para baixo, e guardá-las em local coberto.
Também é preciso lavar semanalmente, com bucha, sabão e água corrente, os vasilhames de alimentação de animais; lavar os pratinhos dos vasos de plantas e colocar areia até a borda; evitar plantas como as bromélias, que acumulam água, dentre outras medidas.
Em casos de qualquer sintoma relacionado à dengue, a Secretaria da Saúde e a Vigilância Epidemiológica orientam para que a população procure a Unidade de Saúde mais próxima do seu bairro.